3.12.09

Rui pede Margarida em namoro e ela aceita

 Depois de serem trancados por Rita numa sala. Rui e Margarida aproveitam para conversar e ela garante que vai parar de fugir do que sente. Com carinho, pega no rosto do amado e beija-o. depois de serem libertados, os dois olham-se com paixão. Mais tarde, rui volta a aproximar-se dela e, atrapalhado, pergunta-lhe se quer namorar com ele. Feliz e muito sorridente a filha de Inês aceita e beija-o.


Fonte. ANA nº 653

link do postPor Muito Mais, às 16:44  ver comentários (7) comentar

5.6.09

O jovem esquece a tristeza  nos braços da amiga,  e não resiste a trocar carícias com ela.

 Sem saber que Aurora continua a ser ameaçada por Jimmy, o jovem fica transtornado quando vê a amiga de Sandra beijar o rival, não percebendo que ele a está a forçar. Na pensão, o pintor comenta com Raul que não consegue esquecer a ex-namorada, apesar de tudo o ela lhe fez. Horas depois, Amélia bate-lhe á porta e convida-o a partilhar uma fatia de pizza. Feliz ao ver a amiga, ele comenta que a jovem aparece sempre que ele mais precisa. Os dois conversam e o amigo de Raul fica um pouco mais animado. A jovem comenta que mostrou à mãe as fotografias que tirou dos quadros e que ela o convidou a expor na galeria. Mário fica sem saber o que fazer e Amélia comenta que ele poderá ganhar um bom dinheiro com a venda das telas.  O jovem percebe que é uma boa ideia, pois assim que acabarem os exames nacionais vai voltar para junto da família e da trupe. Amélia comenta que vai ter muitas saudades e ele sorri, sensibilizado. Os dois trocam olhares intensos e beijam-se. A jovem afasta-se e diz que não quer que ele fique mal-impressionado com ela. Mário puxa-a para si e beija-a com intensidade.


Fonte: ANA nº 627

 

link do postPor Muito Mais, às 13:59  comentar

21.5.09

 

Ao ver Jimmy Agredir Aurora , o amigo de Raul sai em defesa da ex-namorada.

Os dois jovem envolvem-se numa luta e Jimmy saia perder. Aurora agradece e olha para a Mário, que a aobersa com paixão.

link do postPor Muito Mais, às 14:56  comentar

24.2.09

 

Gonçalo pede desculpa a Filipa e diz-lhe que o que sentiu por Catarina não foi paixão mas sim compaixão. O jovem  diz-lhe percebeu isso com a morte da professora Eva, pois se fosse Filipa, Gonçalo  não ia aguentar a sua perda e morria junto.
Os dois beijam-se apaixonados e reatam o namoro.

 

Retirado do Site: http://clubmorangos.blogs.sapo.pt/

link do postPor Muito Mais, às 16:55  ver comentários (1) comentar

16.2.09

Rui Porto Nunes começou por brilhar em Morangos com Açúcar e hoje mostra o seu talento na novela de Rui Vilhena, Olhos nos Olhos, como Gustavo. Embora diga que a representação é o seu grande objectivo, nem sempre foi este o seu sonho. Apaixonado por bicicletas desde os três anos, o jovem actor só vivia para as competições de BTT. Contudo, uma doença grave acabou com esta paixão.

Sempre quis ser actor?
Desde sempre que gostei muito de cinema, teatro e até de televisão. Mas ao contrário das outras crianças, que querem ser jogadores de futebol, sempre quis fazer BTT. Quase que podia dizer que fui profissional. Era practicamente a minha vida.

Porque é que desistiu desse sonho?
Quando estava no 12º ano tive mononucleose infecciosa (a chamada “Doença do Beijinho”), que é algo muito perigoso, pois o baço pode romper. Pode ser confundido com muitas doenças, pois, primeiro, parece uma constipação, depois, uma amigdalite, e vai piorando. Comecei por ter dores de cabeça e sentia-me fraco. Tive de ficar três meses em casa.

Durante esse período, contou com a ajuda da família e dos amigos?
Sim, tive muito apoio. Cheguei a ter uma directora de turma, que ainda hoje é minha amiga, que fez todos os possíveis para eu passar de ano.

E como foi não poder praticar BTT?
Na altura, isso foi o que me custou mais. Só queria treinar e competir. Ainda por cima, tinha assinado um contrato com uma equipa de BTT e o projecto acabou por não arrancar, pois além de ter ficado doente, os meus colegas também se lesionaram.

E como surgiu a oportunidade de ingressar no mundo artístico?
Tudo começou quando eu e uns amigos viemos ao mega casting dos Morangos. Passei à segunda fase, onde conheci a Cátia Beirão, da NBP, que me ajudou a arranjar algumas figurações. Depois, chamaram-me para fazer um workshop para os Morangos e acabei por ser escolhido.

No futuro, pretende continuar na representação?
Quero mesmo muito continuar. Na altura, arrisquei muito para entrar nos Morangos, já que congelei a minha matrícula no curso de Realização. Consegui ganhar essa etapa, dar o salto e, a partir de agora, quero poder dizer, daqui a uns anos, que sou actor. Neste momento, ainda sou um aprendiz.

Gostava de experimentar teatro e cinema?
Gosto mais de cinema do que teatro, mas adorava experimentar teatro, é o berço da representação.

Que conselho dá aos jovens que querem ser actores?
Têm de ter muita dedicação, empenho e paciência.

A família sempre o apoiou neste seu desejo?
Eles apoiaram-me sempre, até mesmo quando parei o curso sem ter certezas do que ia fazer.

Foi difícil sair de Portalegre e mudar-se para Lisboa?
Vinha muitas vezes a Lisboa, porque tinha cá provas. Claro que não sabia o que era viver cá 24 horas por dia, mas já estou habituado. Os meus pais e o meu irmão ficaram lá, mas moro com três primos e eles tratam-me muito bem.

Costuma ajudar na lida da casa?
Sei fazer baba de camelo, torradas e leite com chocolate. Já não passo fome (risos).

Ser conhecido trouxe-lhe algum dissabor?
Há experiências boas e menos boas. Mas acho que temos de tirar o que é essencial para a nossa experiência de vida.

Acha que muita coisa mudou desde que se tornou conhecido?
Não. As pessoas abordam-me na rua, mas continuo a fazer a minha vida normal e nada mudou.

Mas é muito assediado pelos fãs?
Não é assédio, é apenas carinho.

Mas já passou por algum momento em que se sentiu assediado?
Sim. Tive uma situação mais caricata, durante um concerto das Just Girls. Foi engraçado. É muito bom sentir o carinho do público.

Considera-se um homem bonito?
Não, sou normal.

As cenas íntimas incomodam-no?
Não, porque é o meu trabalho. Tem de haver respeito pela outra pessoa, temos de ser profissionais. É o que nos é pedido e temos de o fazer.

Era capaz de se despir totalmente na televisão?
Se tiver algumas cenas que assim o exijam e se for realmente importante, sim.

E fazer uma cena de sexo com um homem na televisão?
Se fizesse de homossexual, claro que faria.

Com tantas fãs, é muito namoradeiro?
Não.

Com que idade perdeu a virgindade?
Foi com 17 anos.

Já teve uma grande paixão?
Já. Foi algo que me trouxe coisas boas e más. Só tive uma namorada, que também é de Portalegre. Namorámos quase quatro anos, mas acabou. Desde aí, não surgiu mais nenhuma paixão.

Acredita no amor para sempre?
Os sentimentos são uma ilusão. Sou um bocadinho de tudo, não sou linear. Tenho dias, horas e fases.

Era capaz de competir com outro homem pelo amor de uma mulher?
Talvez, embora nunca me tenha deparado com essa situação.

Fonte: Revista Maria

 

Retirado do Site: http://morangoscomacucar.org/

link do postPor Muito Mais, às 00:13  comentar

5.1.09

Após a saída de Sónia (Diana Nicolau) da série “Morangos com Açúcar”, Raul fica sem a pessoa de quem já estava a começar a gostar, mas isto não significa que não encontre uma nova paixão… Desta vez com Amélia, a jovem aluna do 11º ano recém-introduzida na trama.


Retiorado do Blog:http://morangoscomacucar.org/

link do postPor Muito Mais, às 17:01  comentar

1.9.08

Nome: Inês Isabel Aleluia
Data de Nascimento: 21/02/1988
Signo: Peixes
Local de nascimento: Beja
Cor dos olhos: Castanhos
Cor do cabelo: Castanho
Altura: 1.68m
Peso: 50kg
Nº de calçado: 37/38
Marcas especiais: Nenhuma
Perfume: Escada
Estudos: Segundo ano de Engenharia Civil no Instituto Superior Técnico
Primeiro emprego: Morangos Com Açúcar
Desportos: Natação
Manias: Mexer no cabelo
O que mais detesta em si: A timidez
Segredo do seu sucesso: Serenidade, auto-confiança, inteligência emocional e determinação
O que mais aprecia num rapaz: A inteligência
O que mais detesta num rapaz: A arrogância e a falta de humildade
Adora: Honestidade
Detesta: Hipocrisia
Cidade favorita: Paris
Local ideal para um fim-de-semana romântico: Próximo do mar
O que estragaria esse fim de semana:
Chuva
Clube de futebol: Sporting

Cor: Lilás
Comida: Sushi
Bebida: Água
Desenho-animado: “Tom & Jerry” e “A Bela e o Monstro”
Local onde nunca viveria: No Pólo Norte ou Sul porque detesta frio
Destino de sonho: Japão

Maior medo: A solidão
Fica triste com: A injustiça
Três coisas para ser feliz: Paixão, liberdade e uma casa junto ao mar
Como se descreve numa frase: É apaixonada pela vida

 

 

link do postPor Muito Mais, às 16:54  ver comentários (2) comentar

7.7.08

O Cupido anda tão ocupado com os moranguitos que começa mesmo a ficar sem setas do amor. Esta não é a primeira vez que o anjinho alado fez das suas: já anteriormente havia unido Rita Pereira a Angélico Vieira, e Cláudia Vieira a Pedro Teixeira, só para mencionar alguns nomes…

 

Nesta série, o primeiro parzinho a ser atingido pela paixão foi Sisley Dias e Filipa Maia. O Nuno e a Débora de Morangos com Açúcar conheceram-se há aproximadamente seis meses. O casal “teve clique imediato” - a jovem actriz ainda trabalha num bar da cidade Lisboeta - e não resistiu à paixão. “Eles conheceram-se e não se largaram mais”, conta uma amiga da jovem. Filipa Maia, ao perceber que a sua relação com Sisley já era do conhecimento geral, ficou espantada por ter sido apanhada. “Como é que sabem?”, começou por dizer. Contudo, acabou por se recusar a falar mais sobre a relação com o moranguito. “Não vou dizer mais nada. Não digo que ando com ele nem nego. Não quero falar sobre o assunto.” Uma coisa é certa: Sara Barradas (Diana) e Sisley Dias só namoram mesmo na ficção, porque na realidade o rapaz está perdido de amores por Filipa Maia. Quem se cruza com os dois moranguitos no Algarve, onde gravam os exteriores da série juvenil, diz que o casal “não se larga um minuto” e que é comum vê-los nos dias de pausa “de mão dada pela zona de Odeceixe”.

 

Retirado do site: http://morangoscomacucar.org/

link do postPor Muito Mais, às 22:47  comentar

6.3.08

Ainda apaixonada pelo colega, Susana convida-o para um passeio, em que falam sobre as suas vidas. A professora convida Eugénio para jantarem juntos. Durante o jantar, os dois esclarecem todos os conflitos existentes, falam de quando ambos confessaram suas paixões, ela por ele, e ele por Xana. Susana diz que já está preparada para não serem mais de amigos e que compreende que ele tenha outra paixão, ambos decidem deixar de lado as questões sentimentais e cultivar a amizade.

link do postPor Muito Mais, às 01:32  comentar


Nosso Facebook Nosso Twitter Feed


arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds